É fácil ter saúde espiritual, experimente e viva leve

Cuidar da saúde espiritual é pensar em qualidade de vida

 

Com o mínimo de dedicação, saúde espiritual pode ser exercitada diariamente.

Buscar a espiritualidade, independentemente de religião ou crença, pode aumentar seu bem-estar físico e emocional. Isso já é comentado, inclusive, nos meios científicos. Ter a esperança de dias melhores, praticar o otimismo e o pensamento positivo, reservar um tempo na sua agenda para dedicar-se à reflexão e à meditação são atitudes que podem trazer benefícios práticos ao seu dia a dia e aprimorar, com o tempo, a sua saúde espiritual.

 

Onde buscar a saúde espiritual

Conforme o profeta das medicinas alternativas, o médico indiano Deepak Chopra, a saúde espiritual depende da prática de exercícios simples. Um deles é reconhecer que existe um universo superior, maior do que a existência humana. Isso desperta a nossa humildade. Doar mais amor para as pessoas e o mundo também é importante, da mesma maneira que reservar alguns minutos do dia para contemplar o belo, o que pode nos munir de força para enfrentar as dificuldades da vida.

 

DEEPAK CHOPRA – AS 7 LEIS ESPIRITUAIS PARA O SUCESSO E A PROSPERIDADE

 

 

Para ganhar a simpatia dos que estão a nossa volta, basta, segundo Chopra, ser mais receptivos com as pessoas. A qualidade de tornar-se mais responsável só é adquirida quando reconhecemos nossos próprios erros. Para enxergar nossa existência com olhos mais aguçados, é preciso buscar o lado bom das pessoas. Pensar antes de agir deve ajudar a tornar cada um de nós mais centrado.

Dê sempre o seu melhor nos relacionamentos afetivos, assim você se tornará mais amorosa e possivelmente mais amada – o amor é uma troca. Perdoe alguém que jamais perdoaria, assim irá praticar a generosidade.

Lembre-se sempre de que, conforme o guru, “Se compreendermos a nossa verdadeira natureza e soubermos viver em harmonia com as leis naturais, a sensação de bem-estar, de entusiasmo pela vida e a abundância material surgirão facilmente”.

 

Encontrar saúde espiritual é despertar a consciência

Osho, outro indiano de renome focado ao despertar da consciência, nos ensina: “A vida deveria ser uma celebração contínua, um festival de luzes por todo o ano. Somente então você pode se desenvolver, você pode florir. Transforme pequenas coisas em celebração… Tudo o que você faz deveria expressar a si próprio; deveria ter a sua assinatura. Então a vida se torna uma celebração contínua”.

Recorde-se, ainda, quando estiver em algum momento de adversidade, o famoso provérbio egípcio, o qual afirma: “Quem não pode mudar o contexto do seu pensamento nunca será capaz de alterar a realidade”.

Portanto celebre a vida, alimente seu espírito com bons fluídos e ações que julgue importante para você e para o próximo. Você não tem nada a perder ao fazer o bem. Ame ao próximo e a si mesmo. Seja positivo, e assim tudo tende a melhorar. Aprecie estar vivo.

Como já escrevia o poeta Fernando Pessoa, “às vezes, ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido”. Ele tinha razão, não acha?

 

Saúde espiritual é um conceito abstrato que envolve a transcendência do mundo físico

Saúde espiritual é um conceito abstrato que envolve a transcendência do mundo físico

 

Como cuidar da sua saúde espiritual

Estudos comprovam que a prática espiritual pode interferir, sim, no quadro clínico. Para viver ainda melhor, aprenda a cuidar da sua saúde espiritual.

Pessoas que preservam algum tipo de prática espiritual vivem, em média, 29% mais
Foto: Getty Images
De acordo com um estudo do Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, as pessoas que preservam algum tipo de religiosidade vivem, em média, 29% mais. Os médicos observaram melhoras em casos de depressão, stress, doenças do coração, pressão alta, infertilidade e até de diversos tipos de câncer.

Ciência e medicina por muito tempo ignoraram esse tipo de evidência. Mas, devagar, os conceitos arraigados começam a ser revistos. Multiplicam-se livros sobre o assunto, como Milagres Que a Medicina Não Contou, do cardiologista Roque Marcos Savioli, e surgem trabalhos em instituições tradicionais, como o Hospital das Clínicas, também da capital, onde funciona o Núcleo de Estudos de Problemas Espirituais e Religiosos (Neper). “Não dá para continuar com a visão de que um curador soluciona um problema sem levar nada mais em conta além do físico”, diz a psicóloga Maria Rosa Spinelli. “Precisamos de cuidadores que enxerguem o indivíduo como um todo.” De acordo com essa perspectiva, a atitude do paciente é decisiva. “Para um tratamento dar resultado, é necessário acreditar: a fé faz a pessoa persistir e se movimentar ao encontro da cura.”

 

Cuide do espírito e tenha saúde

  • Leve a sério a própria intuição. Assim, você se coloca em contato com suas sensações mais sutis.
  • Dedique-se a praticas como oração e meditação. Em pacientes com hipertensão, a reza faz a pressão cair em 50% dos casos. Está comprovado que a repetição do mantra desacelera o coração, diminui a pressão sanguínea e a freqüência respiratória – efeitos semelhantes aos das orações.
  • Procure se conectar com o mundo, com a natureza. Andar no parque ou nadar pode ter uma dimensão maior do que a de praticar um simples exercício, fazendo a gente entrar em contato com as forças da natureza e nos enchendo de energia vital.
  • Seja otimista. Em doenças crônicas, quando as pessoas conseguem focar o lado positivo da vida, o resultado é evidente. Para manter essa disposição, experimente praticar exercícios de visualização: antes de sair da cama, feche os olhos e pense numa razão que a faz se sentir feliz em estar viva. Com o tempo, se torna um hábito e ajuda a manter o equilíbrio.

 

Leia Mais

Fonte: Vivo Mais Saudável e Cláudia.











Share

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,