Pernas Lindas e Muito Bem Cuidadas

Toda mulher sonha em ter pernas lindas, lisinhas e sem marcas, iguais as das grandes estrelas da moda e beleza, mas para conseguir isso é preciso ter determinação e disciplina.

 

Nossas pernas estão sujeitas as “pressões” decorrentes do nosso estilo de vida, as quais geram fadiga, desconforto e envelhecimento prematuro.


Existem ainda as influências hormonais como o uso de anticoncepcionais, período pré-menstrual ou a própria gravidez, levando a retenção hídrica e sensação de pernas cansadas.

Os fluidos tendem a se armazenar na parte mais baixa, ao redor dos tornozelos, causando a diminuição do tônus, os músculos tornam-se menos esculpidos e a gordura passa a se acumular.

O acúmulo de gordura torna as membranas das células mais frágeis, ativa a participação do óxido nítrico (NO) que atua diretamente no processo de oxidação gerando proteases e mediadores destrutivos para a derme.

O tecido dérmico enfraquecido torna-se menos elástico e diminui sua capacidade de funcionar como suporte em estruturas como, por exemplo, a parede de vasos, que tendem a se distender.

Sem o suporte efetivo leva a formação de uma destrutiva micro inflamação que ocupa uma grande área e que com o tempo, aparece a sensação de desconforto e o envelhecimento prematuro.

 

Toda mulher sonha em ter pernas lindas, lisinhas e sem marcas, iguais as das grandes estrelas

Toda mulher sonha em ter pernas lindas, lisinhas e sem marcas, iguais as das grandes estrelas

 

Dicas preciosas que ajudarão você a obter resultado rápido e desfilar com  as pernas lindas!

 

Drenagem Linfática Manual

A técnica introduzida por Vodder,  tem como finalidade esvaziar os líquidos exsudados e os resíduos metabólicos pelas vias linfáticas. Sua nomenclatura correta seria “manobras para aceleração da drenagem linfática”, já que a drenagem linfática ocorre normalmente com ou sem estímulo externo. A drenagem linfática manual é conhecida desde l892, quando Winiwarter a descreveu. Em 1912, a drenagem linfática foi mostrada por Dr. Aléxis Carrel, que na ocasião recebeu um Prêmio Nobel, e em 1 969 StillWell, citou a massagem como uma das terapias para tratamento do linfedema, porém o estudo sempre foi muito difícil devido a serem estruturas transparentes onde circula líquido claro. Em 1932 Emil Vodder, doutor em filosofia e  fisioterapeuta, juntamente com sua esposa interessou-se pelo assunto e iniciou suas experiências. Em 1936 Vodder divulgou seu estudo completo e original: “a drenagem linfática”. O casal Vodder começou experimentalmente a tratar pacientes acometidos de gripes e resfriados por massagem, manipulando os gânglios linfáticos do pescoço com movimentos rotatórios suaves. A drenagem linfática manual foi então alvo de estudos por muitos pesquisadores, como Leduc, Földi, Cluzan, Casley e Judith Smith, entre outros, que em busca de um tratamento eficiente para tratar linfedema, apoiaram, aperfeiçoaram, modificaram e comprovaram sua eficácia . Em nosso país os Drs Godoy vêem desenvolvendo estudos e novos conceitos sobre drenagem linfática manual.

 

Técnica de Drenagem Linfática Manual.

A massagem de drenagem linfática é uma técnica complexa representada por um conjunto de manobras muito específicas, que atuam basicamente no sistema linfático superficial. Tem por finalidade, drenar o excesso de líquido contido dentro dos espaços intersticiais e dos vasos, aumentando a velocidade do transporte e com isso conseguindo um aumento do volume da linfa.. Sendo assim, utiliza pressões superficiais e suaves, sem causar dor ou incômodo e com ritmos lentos e movimentos repetitivos. Segundo Dr. Vodder, a pressão empregada corresponderia a aproximadamente 32 mm hg, segundo Leduc, esta pressão seria de 44 mm hg, ou seja, é apenas suficiente para fazer um deslocamento pequeno de tecido conjuntivo, porém sem comprimir ou deprimir os tecidos.

Lembrando que técnica, é um conjunto de processos, uma arte ou ciência; portanto para realizar essa técnica específica de DLM deve-se possuir conhecimento aprofundado sobre anatomia e fisiologia do sistema linfático.Várias são as técnicas que empregam diferentes manobras manuais de drenagem linfática. Vodder foi o precursor desta técnica e talvez a mais difundida até hoje, mais não podemos deixar de citar as técnicas de drs Leduc, Foldii, drs Casley Smith e mais recentemente drs Godoy. São descritos movimentos em espiral, em círculos, em semi-círculos, em J, etc… E cada autor desenvolveu uma maneira de provocar uma modificação no gradiente de pressão intersticial, provocando assim um mobilização do líquido intersticial. O sentido da massagem é sempre no sentido do fluxo da circulação de retorno, em direção ao linfonodo mais próximo, analisando-se durante a avaliação a causa, a extensão do comprometimento e as regiões para onde o líquido de edema deva ser evacuado. E isso é comum à todas as técnicas, daí a necessidade de conhecer a anatomia do sistema linfático.

 

INDICAÇÕES DA DRENAGEM LINFÁTICA PARA TRATAMENTOS ESTÉTICOS:
  • Lipodistrofia ginóide (celulite);
  • tratamento de rosácea;
  • telangiectasias;
  • rejuvenescimento facial;
  • pré e pós operatório de cirurgias plástica estética;
  • rinoplastia, blefaroplastia;
  • lifting facial;
  • lipoaspiração;
  • abdominoplastia;
  • mamoplastia redutora.

 

CONTRA INDICAÇÕES:
  • Tumores malignos;
  • Tuberculose;
  • Infecções agudas.

 

Tratamentos terapêuticos

Linfedema, estases venosas, insônia, hematomas, traumatismo facial, retenção hídrica, contratura muscular.

 

Uso de meias de compressão

As meias de compressão, são indicadas para quem deseja garantir a saúde das pernas, principalmente para quem trabalha muito tempo em pé ou sentada. Além disso, há meias-calças de compressão disponíveis no mercado, coloridas ou transparentes, com design anatômico – modelador, que podem ser usadas como acessório, deixando as pernas mais bonitas e definidas.

 

Esfoliação

É muito importante esfoliar a cada 15 dias. Para evitar pelos encravados, o  ideal é esfoliar as pernas no dia anterior à depilação.Uma boa esfoliação ajuda  para  que o produto penetre mais rápido nos tecidos!

 

Hidratação

A hidratação com NANOATIVOS ( TESTADO POR ANGIOLOGISTAS e APROVADOS PELOS PACIENTES), que perceberam: Relaxamento das pernas, redução de inchaço e aumento na sensação de conforto.

Os NANOATIVOS tópicos, são  blends de óleos essenciais, de ação rápida, indicado para alivio de tensões, pernas cansadas e nevralgias. Possui propriedades revitalizantes e hidratantes. Proporciona bem estar,  e melhora a micro-circulação. O óleo essencial de bétula doce, é maravilhoso, e tem como principais constituintes, o salicilato de metila, creosol e guaiacol atua como,, anti-inflamatório e  anestésico local. É a última novidade na área de cosméticos para melhorar a circulação, descamação e dor nas pernas. Não há nada mais chato do que descamações que deixam as pernas esbranquiçadas, por isso, abuse do hidratante.

No próprio produto, vem  a  Arnica Montana, que faz sinergia com outros ativos, e possui propriedades analgésicas e anti-inflamatórias, agindo rapidamente na melhora de hematomas, auxiliando na melhora da circulação, por ser drenante, e que atua como coadjuvante no tratamento de contusões, proporcionado alívio imediato na dor muscular, da artrite e no tratamento da retenção hídrica (gravidez, uso de anticoncepcional e período pré-menstrual),diminuição do volume dos tornozelos e reduz significativamente a celulite. Também é usado no pré e pós de cirurgias vasculares e tratamento de telangiectasias, fortalece a microcirculação de retorno.

 

Mecanismo de ação do BLEND de óleos essenciais

Age no ambiente microvascular, a matriz proteica adjacente e o tecido adiposo.O efeito anti-inflamatório combate: O desenvolvimento de adipócitos;

A degradação das paredes vasculares pelas proteases;

O afrouxamento das fibras de colágeno e elastina.

O produto tem que ser aplicado, em movimentos ascendentes desde os pés, tornozelos e pernas, duas vezes ao dia.

 

Movimente- se !

Os músculos das pernas agradecem quando elas são movimentadas. Caminhadas, corridas, aulas de ginástica, spinning, musculação, subir e descer escadas ou futebol previnem a celulite, e evitam a flacidez.


 

Reeducação alimentar e água.

Mantenha uma dieta equilibrada pois, quando se ganha peso, as pernas também sofrem com o aparecimento de celulite, estrias e acúmulo de gordura localizada, além de sustentar os quilinhos extras. E não se esqueça de beber água, para hidratar a pele.

 

Mais informações

Fonte: IALES.

Share

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,